domingo, 2 de outubro de 2016

Talefe - Cabreira



A Serra da Cabreira é uma elevação de Portugal Continental, com 1262 metros de altitude, no Alto do Talefe. Situa-se no Baixo Minho e no Baixo Barroso , onde faz fronteira com 3 concelhos o de Montalegre o de Vieira do Minho e Cabeceiras de Basto.

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Prados da Messe

Um dia de bela tranquilidade na serra do principio do outono, agora sem confusões, e apesar de ser um trilho, já bastante conhecido, não deixa de ser das coisas mais belas que conheço, especialmente quando a companhia é boa. O trilho tem a extensão aproximada de 15km, e desnível acumulado com subida e descida de cerca de 1600m, o que o torna algo difíçil para quem não esteja em boas condições fisicas...e mentais :) Alguns dos pontos de passagem: Curral do Vidoal, Lomba do Pau, Curral do Conho, Prados da Messe, Costa da Sabrosa, Mata da Albergaria. Quem quiser pode ainda fazer um pequeno desvio a seguir à Chã da Fonte para subir ao ponto mais alto do Minho, o Borrageiro. Abraços a todos.

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Loriga - Torre - Penha dos Abutres - Loriga

Um belo dia passado no Parque Natural da Serra da Estrela. Uma caminhada com grande desnível (em acumulado cerca de 2400m), e extensão de cerca de 22km. Alguns dos pontos de Passagem: Fraga do Padre Nosso, Covão da Areia, Covão do Meio, Covão do Boeiro, Lagoa do Serrano, Torre (ponto mais elevado de Portugal continental), Penha dos Abutres, Casa dos Ingleses.

Aquele abraço aos companheiros de jornada.

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Moonrise - Sunrise - Serra do Gerês


Caminhar de noite, pernoitar em bivaque, assistir ao espectáculo da alvorada da lua à meia noite, do sol às 6h da manhã, e retornar a casa num dia quente mas belíssimo. Uma mão cheia de montanha, uma mão cheia de amizade. Obrigado companheiros.

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Portela do Homem - Passado, presente e futuro

A Portela do Homem, posto fronteiriço com a Galiza, situado no concelho de Terras de Bouro, foi aberta com carácter permanente em 1980, depois de muita tinta ter corrido, depois de muita comoção e troca de argumentos entre variados grupos.

Historicamente, já desde tempos idos do Império romano, a circulação entre Braga e Astorga, capital da província, era feita por ali. A geira romana foi magnificamente construída, para facilitar o trânsito de exércitos, e mesmo até ao princípio do século.XX, foi utilizada. Ou seja, este acesso único do distrito de Braga à região da Galiza, sempre foi estratégico e querido pelos habitantes da região.

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Verão no Gerês? Tapar os olhos e esperar que passe...

Serve este post para reportar o ambiente que se vive naqueles locais talvez mais populares do Gerês: Fecha de Barjas, Caniçada, Cascata do Arado, e, claro, Portela do Homem, na esperança de que alguma pedagogia possa ser retirada e alguns mitos também.

Todos estes sítios foram visitados durante uma tarde, a do primeiro dia de Agosto de 2016, e que calhou ser este ano, uma segunda feira.

Para quem, gosta de montanha e particularmente do Gerês, sabe que os meses quentes, são geralmente, de evitar. Na montanha, o calor é duro de suportar, e naturalmente, estamos no direito de pensar que alguns dos sitios anunciados como "paradisíacos", possam resolver o nosso problema nesta época...hmmmm...provavelmente não. Se gosta de pouca água, muita gente por metro quadrado, perigo e muito lixo, então, muito bem...aproveite.


domingo, 31 de julho de 2016

Minas dos Carris

Um dia fantástico para trilhar a bela serra e conhecer novos amigos e rever outros.

Minas dos Carris, era o destino principal, e pelo caminho, muitos locais belíssimos. Muito gado na serra, a pulvilhar a paisagem.

Ponto à parte destas belezas, o encontro furtuito com dois inexperientes indivíduos, que tiveram sorte de nos encontrar, no momento em que tinham despejado a ultima água pela cabeça abaixo(deviam estar pouco quentes), e que sem equipamento adequado para a práctica deste tipo de montanhismo, nos abordaram nas Minas dos Carris, quando estavamos a abastecer no único ponto de água por aquelas bandas.

domingo, 10 de julho de 2016

Amizade

Bem cedo de madrugada, começaram as botas a perseguir objectivos bem traçados e ambiciosos. Temperaturas altas, tornaram esta jornada algo de inesqueçivel. Cimos conquistados, antigos caminhos reutilizados. No fim de tudo, o que de maior sobra?...a amizade. Maior que qualquer montanha.


domingo, 5 de junho de 2016

Trilhos a Norte - Parabéns

Assinalo aqui a marca das 100000 visualizações do blog Trilhos a Norte, de um companheiro de aventuras, que continua a preservar a tradição do registo em blog, com publicações de muita qualidade. Visitem se gostam de caminhar e de conhecer o nosso belo país. Um must. Parabéns Alberto Pereira pela tua continuada dedicação ao saudável Pedestrianismo e Montanhismo.



sexta-feira, 27 de maio de 2016

Por terras do Laboreiro

Percurso de 19km
Alt Mín 816
At Máx: 1293
Desnível acumulado ascendente: 1090m
Desnível acumulado descendente: 1086m
Dificudade: Dífícil

Um belo dia para caminhar:
Castro Laboreiro-Castelo-Curveira-Bico do Patelo-Pena de Anaman-Seara-Cainheiras-Bico-Varziela



terça-feira, 3 de maio de 2016

Peña Trevinca - Peña Negra

Assalto ao Peña Trevinca(2127m)  e Peña Negra(2121m) desde a aldeia de Ponte em percurso circular.
Distância total: 28km
Dificuldade: Elevada
Alt: máxima 2127m
Alt mínima: 1120m







domingo, 1 de maio de 2016

Rio de Frades - Arada - Freita

Neste lindo dia, por terras do Maciço da Gralheira, Rio de Frades foi o ponto de partida. O percurso aravessou trechos de outros PRs, como por ex: o do Carteiro ou a Rota do Ouro Negro. Passagem pelo túnel das Minas de Rio de Frades, pelas aldeias de Cabreiros, Tebilhão e Cando. O planalto da freita é magnífico e a nascente do Rio de Frades foi atingida bem como o marco geodésico do Vidoeiro. Desde o ponto de partida a cerca de 350m de altitude o declive subiu até aos 1100m. Distãncia total 19km. Dificuldade: Muito elevada.



domingo, 6 de março de 2016

Serra do Gerês - Serranias de Pincães

Ás vezes esqueço-me dos vídeos no meio das fotos. Aqui vão alguns sobre uma região especialmente agradável, as Serranias de Pincães, com o tema Flying in a Blue Dream do Joe Satriani. 

Vídeo As Serranias de Pincães

sábado, 5 de março de 2016

Por currais de antanho - Arenado

Belíssimo percurso pela Serra do Gerês em modo misto de descoberta/passeio. Objectivos: encontrar o Curral do Arenado(eventualmente Arnado) e o caminho do Vidoal para o Curral de Maceira. Neste último caso, o caminho que possibilitaria a passagem de uma forma bastante acessível, e sem cruzar corgas abrutas. Agora, de forma circular, poderia ser feito o percurso Leonte - Vidoal - Maçeira - Leonte.

O percurso rondou os 18km com iníçio na casa do guarda da Preguiça. 

Percurso: Preguiça - Arenado - Raíz - Pé de Salgueiro(ascensão face oeste) - Vidoal - Maceira - Leonte - Laja - Preguiça

sexta-feira, 4 de março de 2016

A história da Serrra - Ricardo Jorge, médico, investigador, higienista e porque não... caminheiro?

Ricardo Jorge, e a sua ligação ao Gerês, despertaram-me a curiosidade por uma leitura casual nas páginas de um livro sobre Terras de Bouro. Na satisfação  da curiosidade deste desfiar do novelo, verifiquei, ter sido este homem, de nome conhecido (Instituto Ricardo Jorge), um companheiro de amor pela serra do Gerês e sua região, e um impulsionador do termalismo das águas do Gerês que considerava, das mais ricas para a saúde do mundo conhecido.





quinta-feira, 3 de março de 2016

A História da Serra - Casa do Gelo


Aqui perdido em algumas leituras(em papel), sobre a história de Terras de Bouro, descobri um texto interessante sobre algo que já tinha ouvido falar: a Casa do Gelo da Chã da Fonte na Serra Amarela.


O texto, da autoria do Padre Matos Ferreira em 1728, que transcrevo de seguida refere:

terça-feira, 1 de março de 2016

Chegada ao Pedrinho - 1374m Topo da Peneda

video
Excelentes condições para a práctica do montanhismo??? Hmmm...well...bem...ESPECTACULARES.

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Sistelo - Pedrinho - Branda das Gémeas - Sistelo

Percurso circular
Ponto de Partida: Sistelo
Condições metereológicas: muito frio, muita neve, muito nevoeiro, algum vento e alguma precipitação em forma de neve.
Dificuldade: muito elevada
Distância total: 19,7km
Desnível acumulado: 1179m
Alt mín: 251m
Alt máx: 1376m
Duração: 9h25m




terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Cabril - Surreira do Meio Dia - Roca Alta


Uma voltinha pela bela região de Cabril, subindo até ao cume da Roca Alta, quase 1100m e subindo desde os cerca de 250m. Muito declive que é disso que o povo gosta.